2009-07-13 Campina Grande promove Jornada Médico-Espírita

Campina Grande promove Jornada Médico-Espírita


"Saúde e Espiritualidade" será o tema central da 5ª Jornada Médico-Espírita de Campina Grande, a JAMEC, como é conhecida. O evento acontecerá nos dias 11, 12 e 13 de setembro de 2009, no auditório da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba - FIEP.

"O impacto das virtudes na conquista da saúde integral", "Integrando saúde e espiritualidade", "Depressão e Processos obsessivos", "O Valor terapêutico da Prece", "Do Átomo ao Arcanjo – A trajetória evolutiva do Ser", "Reencarnação e Ciência", "A Lei de Amor na construção da felicidade", "Bioética" e "Jesus, médico de corpos e de Alma" serão alguns dos assuntos abordados ao longo do Encontro.

Carlos Roberto, Décio Iandoli Jr., Irvênia Prada, Sérgio Lopes, Ricardo Santos e Rossandro Klinjey são os palestrantes que já têm participação confirmada no evento.

O endereço da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba é Av. Manoel Guimarães, 195, José Pinheiro, Ed. Agostinho Velloso da Silveira, Campina Grande, PB.

Outras informações podem ser obtidas pelos telefones (83) 3321-2706, (83) 9971-2241, (83) 9971-2231 ou (83) 8847-8141.



Menina da Indonésia reencontra família 10 anos após tsunami

Uma menina da Indonésia que desapareceu durante o tsunami de 2004 voltou para sua família uma década depois, após ser dada como morta por sua mãe. “Deus nos deu um milagre”, disse Jamaliah, mãe de Raudhatul Jannah, que tinha apenas 4 anos na ocasião. Paula Mendlowicz comenta.

Encontro Espírita em São Paulo

Será realizado no dia 12 de julho, no Grupo Espírita Bezerra de Menezes, o 4º Encontro de Cultura e Arte Espírita de Guarulhos e Região. O tema central é "Educação, Mediunidade e Responsabilidade". Na programação, palestras de Lúcia Félix, Joelson Pessoa, Januário Sobrinho, Heloísa Pires e Spério Faccioni Jr.

Tropa do Prazer: Kim Jong-un quer harém para sua “diversão”

Kim Jong-un parece estar entediado com sua vida de casado, líder de um país autoritário aos trinta e poucos anos. Pelo menos é o que parece, já que ordenou para que fosse criado um “harém” de jovens mulheres que deverão “entretê-lo”. Claudia Cardamone comenta.